Subscribe:

sexta-feira, dezembro 14, 2007

A DOIDA DA AMY

Quem nunca ouviu falar de Amy Winehouse q atire a primeira pedra.
Só não pode ser pedra de crack, porque senão ela fuma!
A moça vive nos tablóides e provoca tanto, de uma maneira políticamente incorretíssima, q rumores dos seus feitos há tempos chegaram por aqui.


Mas o q tem Amy de tão barulhento?
No big deal!
Ela bebe água q passarinho não bebe, usa drogas e de vez em quando se interna prá começar tudo de novo.




Nesse novo século do políticamente correto, Amy deveria estar do lado de fora, na sombra da obscuridade. Ou seria obscuridade da sombra? Mas não está.
Muito pelo contrário, ela está fortemente presente na mídia e fazendo muita merda, não necessáriamente prá aparecer.
O que ela tem de bom?

Bem, meus caros e cada vez mais parcos queridos 5's leitores, a mulher é dona de uma voz e estilo, daqueles q vc escuta o CD e ao fim da última música vc se pergunta: Mas já acabou??
Lembra as divas da década de 40, daquela mistura de jazz com blues com rockziinho swingado, bom prá dançar colado ou separadinho mesmo?! Pois então.

Eu peguei o CD Back to Black no





Mininova e não me arrependi. Ouvi tudo e ainda quis mais.

Antes de mais nada, lembremos q antes dela, houveram outros doidões amados pelo público, na época em q ser drogado não era algo imperdoável. Incentivar o uso de drogas sim, coisa q atitudes falam por si só. Como dissociar um do outro, quando todo mundo sabe o q vc faz?
Janis Joplin, Jim Morrison, Jimmy Hendrix, Curt Cobain e até o próprio John Lennon admitiu já ter fumado El Porro, não eram menos amados. Eram sim, idolatrados e o são até hj.
O problema da Amy, é q ela é junkie.

Outro dia assisti a um vídeo no iutubíl, onde ela tirava cocaína (vai saber...) da peruca e cheirava no palco, durante um solo da banda.



Numa outra vez, vi uma foto num site (não lembro qual), onde ampliada, mostrava o nariz dela com um troço branco escorrendo.
Uma pena. De todos q citei, ela parece ser a mais doente. TAlvez encoste no Curt, q também se apresentava logo após dar um teco. Não sei como eles conseguem.
De qualquer maneira, enquanto ela não se mata, a gente vai curtindo sua voz, seu talento e sua música.

Segunda feira, dia 17 às 21:30h, o
Multishow, vai mostrar um show dela. Quem tiver tv a cabo, pode conferir e dar sua opinião sobre o talento da moça.

Eu particularmente, estou me apaixonando pela música dessa doida.
E aí ao lado, na minha vi-tro-la, vcs curtem a música You Know I'm no good. Música essa, q começa a ser executada exaustivamente nas rádios cariocas.

Bj na bunda e bom findi prá todos.

1 comentários:

Malu disse...

Tenho certeza que ela só queria ser FELIz e sua fragilidade não a deixava saber por onde começar.
Uma pena!!! Tão talentosa...
O resto não me cabe julgar...
Grande abraço

Linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...