Subscribe:

quarta-feira, novembro 02, 2011

POR QUE OS BEBÊS BABAM TANTO? CONHEÇA SIALORRÉIA

Tenho nervoso de algumas coisas na vida: Barata, peido (tenho horror!), arroto com cheiro... No entanto, não me considero uma mulher fresca.
Frescura definitivamente não é comigo. E isso pra tudo na vida! Claro, 3 filhos depois, ou vc deixa de ser fresca, ou vc deixa de ser fresca.

A fresca é aquela mulher, q nem ela mesmo se aguenta, porque depois q se amadurece se chega à vida adulta, nos dias de hoje, realmente a frescura não cabe. Então a mulher fresca não deve se aguentar. Ela sustenta o personagem, mas quando deita no travesseiro e solta aquele suspiro comprido como quem diz:

MULHER FRESCA DIZENDO - Affffff! Eu não me aguento. 

Frescura e perda de tempo estão no mesmo patamar.

Daí que sim, eu fui fresca durante um bom tempo na minha vida. Barata por exemplo eu pulava, tremia e fingia desmaio. Hoje eu me limito a me arrepiar até ficar na ponta dos pés e saio de cena no mesmo instante em q a barata entra. Se for voadora, aí eu saio berrando, mas não dura nem 2 minutos.

3 filhos depois e não me incomodo quando mijam em mim, quando melo o dedo no cocô dos bebês ou quando preciso descongestionar aquele nariz encatarrado verdão, cheio de gripe. Faço assepsia completa e deixo o nariz do puto novo em folha. 
Essa sou eu.

Maaaaaas e sempre existe um maaas, odeio baba!
Odeio baba.
ODEIOOOO baba. 
Tenho verdadeiro nervoso, hojeriza de baba.

Não babe em mim. Não deixa a porra da baba respingar em mim. Não deixe o caralho da baba encostar em mim.
Porque a baba gela a pele. Ela deve sair quentinha da boca, mas quando ela pinga, já perdeu o timing e cai gelada e aquilo me gela a espinha e a alma por tabela.

E aí mermão, não adianta chorar. Resta apenas sair correndo, pegar o paninho mais próximo ou papel higiênico e limpar aquela porra.

Dos meus 3 filhos, o grande loser em termos de baba foi Pacotinho. 
Senhor Cabeça de Bolinha e a minha galega estão empatados técnicamente.

Segundo a revista crescer, não é apenas os dentes que provocam aquela salivação maldita dos bebês. Isso é um mito criado pelos leigos como eu.  Aquela baba lazarenta tem explicação: 


"Os bebês babam porque ainda não têm coordenação para deglutir a quantidade de saliva produzida, que aumenta a partir dos 3 meses, muito antes da dentição. A mudança na produção tem um nome engraçado: sialorréia.


É uma salivação excessiva causada pelo próprio desenvolvimento neurológico e bucal do bebê - explica Mauro Toporovski, professor da pediatria da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa, em São Paulo. Logo, é normal babar – muito ou pouco. Não é um problema de saúde e por isso não se medica."



E para infelicidade geral da nação, a porcaria da babaria tende a encerrar, lá por volta dos dois anos, ou seja, vou ter que aturar a Dona Miúda ensopando a porra da roupa, ou terei ainda de aturar a pocaria do babador fedorento pendurado em seu pescoço.


Claro, dentes, resfriados, aftas e até o refluxo, podem estimular a porcaria da salivação. No entanto, aos 2 anos, a criança aprende finalmente a deglutir e essa nojeira acaba. Se não acabar, fique esperto, leve seu neném ao pediatra, ao fonoaudiólogo e sim, faça acompanhamento com otorrinolaringologista. Eles podem dar fim a esse inferno! \o/

Odeio baba.
O-DEI-OOOO!

Fuente: Aqui.

6 comentários:

'Lara Mello disse...

A Penélope babou muito, mas não foi até 2 anos não, foi até uns 1 e poucos meses, não tinha nojo, mas se alguém baba em mim, ou quando cuspa, AAAAAAAAAHGGGGGGGG QUE NOJO!

Beijo em cada pequenino da sua casa que são uns amores! ♥

Lulu on the sky disse...

HAHAHAHAHAHA é de lascar baba de nenê mesmo. Como você mesma disse, depois de 3 filhos certas frescuras, a gente deixa de lado. Baba é insuportável seja de nenê, de cachorro, do q for.
Big Beijos

Morena disse...

CARAAAAAAAA vc n existe!!! rsrs
Como assim, vc odeia com tanta vontade baba ?!? rsrs
Beijos saltitantes
Bom fim de semana

Fernanda Freitas disse...

Eu odeio golfada. Fala sério. Vem nos piores momentos. Em eventos sociais, por exemplo, o bebê mamou, espero ele golfar em alguém pra eu poder fazer gracinha e pegar no colo. Qdo o Gustavo fazia isso comigo eu tomava banho e dava banho nele. Integral. Não importava o clima fazendo. Fica aquele cheiro de vômito e isso, sim, é infernal, sobretudo, qdo não se tem pra onde correr pra limpar aquilo. E que tenha, um simples guardanapo não tira aquele cheiro medonho.

Dani Antunes disse...

tô com fefê... golfada é mil vezes pior. blerght!

Magui disse...

Meus filhos babaram tanto que usaram babador revestido de plástico com sacolinha, arrematando.Acho que até um ano. Não chegaram a ter aquela marca no queixo que eu já vi em algumas crianças. Nem me lembro se me davam gastura...De qualquer forma, dura pouco.Paciência porque,desconfio que vc vai ter saudades destes tempos!

Linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...