Subscribe:

segunda-feira, abril 14, 2014

FOLLOW ME BY MUSE - #MusicMonday


A Lulu, do blog Lulu on The Sky (sem os diamantes, of course), tem uma coluna aos sábados, onde posta músicas de seu gosto pessoal, ou sugestões dos blogueiros e leitores.
Essa música eu pensei em postar lá, no próximo sábado, só que ela tem mais a cara desse espaço de cá.

Lá vou eu falar de Muse de novo. É que essa festejada banda composta pelo trio Bellamy (vocal, guitarra e piano), Wostenholme (baixo, segunda voz e teclado) e Howard (bateria e percussão), de formação clássica, que flerta com o eletrônico, música clássica e às vezes, o rock pesado, dá para a trilha sonora de toda uma vida. Daí que quanto mais eu ouço, mais coisas em comum eu encontro com a minha, com a sua, com a vida de todo mundo.

Eles são extremamente fieis à música que professam, amam o que fazem e não abrem mão de tocar ao vivo. O Muse desde que nasceu foi protagonista de barracos homéricos, com nomes incluindo Celine Dion no auge da carreira (dela, diga-se de passagem e início da deles), passando por programas de TV e o último, foi inclusive, na edição brasileira do Lolapalloosa, onde aos 44 do segundo tempo, voltou atrás e não autorizou a cessão dos direitos de imagem para exibição na TV, deixando eu e mais meio zilhão de fãs frustrados. 

Felizmente, eles não são o tipo que enche a cara e quebra hoteis. São mais do tipo altivos, que atingiram um nível de excelência nos shows, que você tem que se virar pra pagar pra ver, literalmente. Tive o privilégio de vê-los no Rock in Rio 2013 e realmente, eles valem cada centavo (embora eu não tenha pago nenhum!).

A música que ofereço a vocês, é a mais cantada aqui em casa por mim e pelas crianças. É a música preferida da Dona Miúda. Sim, a galega é roqueira graças a Deus, daquelas que tapam os ouvidos quando ouve ritmos suspeitos. Já mencionei que Lola é Xiita?

Ela fala de um tipo de amor, que só os pais conhecem. Aquele que abdica de tudo, que protege, que guarda e não desaponta (ainda que os filhos não entendam dessa maneira; ainda que todos os pais não sejam dessa maneira). Essa música fala do que o amor abnegado é capaz.

Não à toa, sou apaixonada pelos caras e perdôo fácil os ataques de estrelismo.

Outro dia descobri ouvindo o álbum ao vivo de 2013 grvado em Roma, uma coisa que já suspeitava pela letra, que essa música é dedicada ao filho de Mathew, o vocalista. <3 font="">

E com vocês:

Follow Me



When darkness falls 
And surrounds you
When you fall down
When you're scared 
And you're lost

Be brave
I'm coming to hold you now
When all your strength has gone
And you feel wrong
Like your life has slipped away

Follow me
You can follow me
And I
I will not desert you now

When your fire has died out
And no one's there
They have left you for dead

Follow me
You can follow me
I will keep you safe

Follow me
You can follow me
I will protect you

I won't let them
Harm
Harm you
When your heart is breaking

You can follow me
You can follow me
I will always keep you safe

Follow me
You can trust in me
I will always protect you 
My love

2 comentários:

Lulu on the Sky disse...

Obrigada por me citar no post, realmente toda vez que eu ouço Muse eu lembro de você.
big beijos

DO disse...

Confesso que não conhecia. mas gostei do som. Bjo

Linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...