Subscribe:

quarta-feira, agosto 18, 2010

Era uma vez um mini-homem...

Sim, sim, eu vou falar de filhos de novo, quer ver?
Não, não queria, mas essa minha porção duLar não está me permitindo falar de outra coisa. Ah sim, eu podia falar de Faustão, Ana Maria Praga, Hoje em Dia, Sonia Abrão... melhor não né?!

Well, é que semana passada, mais exatamente na quarta feira, o pessoal da creche ligou, eu não atendi, Engraçadão ligou, eu não atendi, depois liguei de volta e descobri que o Sr. Kbça de Bolinha teve febre de mais de 38ºC, que foi medicado, que deram banho e que ele estava melhor. Quando chegou em casa, febrão de novo. Medicamos.

Vc o mandaria no dia seguinte? Eu não mandei. Claro que não mandaria. Aí ficamos o Sr. Bolinha, a Dona Miúda e Amélie Poulain em casa. Pacotinho foi desovado na antiga creche, porque eu sou mãe mas não sou doida. Ficar aqui com os 3 sem marido, é pedir pra pirar. E não, não adianta falar pra Pacotinho ficar quieto, porque ele promete, mas coisa que ele não sabe e não consegue fazer é ficar quieto. Ele tem molinha nos pés e pronto!

Daí, que minha rotina é botar rinosoro morninho umas 6 vezes por dia no Sr. Cabeça de Bolinha, nebulizar umas 4x por dia, dar antitérmico de 6 em 6 horas ou alternar com outro num espaço de 2h de intervalo se o bicho tiver pegando. A febre não cedeu. E quando foi no domingo, Enraçadão levou no pronto-socorro porque sacamos q teríamos de ministrar antibiótico.

Que fique claro! Aqui não existe a farra do antibiótico. Pacotinho nunca tomou e o Sr. Cabeça de Bolinha vai usar pela 2ª ou 3ª vez! É que quando inflama a garganta não tem jeito e é justamente o q aconteceu!

Mas por quê eu comecei essa odisseia? Porque mesmo não comendo direito, mesmo estressada, mesmo com vontade de chorar várias vezes o vendo caidinho, mesmo mooorta de cansada, porque não durmo direito nas madrugadas dando peito, nem podendo tirar o atraso durante o dia, me senti imensamente grata por ter ficado esses dias com ele.

Sr. Cabeça de Bolinha está se revelando uma criança peculiar. Um velhinho. Um mini-homem.
Por exemplo: Se vc grita com ele, dá esporro, não vai conseguir nada. Mas se explicar o porquê dessa atitude, ele acata. Se vc vai dar um remédio e tentar dá-lo à força, ele não quer tomar, mas se vc entregar na mão dele dizendo:

EU DIZENDO - Olha, esse tem gosto ruim, mas vai fazer baixar sua febre e depois te dou alguma coisa pra tirar o gosto. Tem q tomar tudo e de guti-guti.

Pronto! Ele pega o troço e bebe tudinho, faz careta, mas não cospe. Sinto que tudo o q ele quer, é ser respeitado. Também eu me fodi tentando fazê-lo tomar suco meio q forçado. Ele estava na minha cama e cospiu parte no edredon. Fiquei tão puta, com vontade de estrangulá-lo, q só o meu olhar fê-lo ir pro sofá ficar de castigo.

Sr. Cabeça de Bolinha - Eu feiz besteira, mamãe?
EU - Fez. Vai pro sofá!

E ele desceu imediatamente da cama e foi sem chorar.

Sr. Cabeça de Bolinha está na época de largar a chupeta. Aos 3 anos é a hora. E ele pegou o péssimo hábito de mordê-la até arrombar a dita. O pai já tinha jogado uma fora e ele foi avisado que se mordesse essa, aconteceria o mesmo. Bem... nós dois conversando na cama, deitados após o almoço na sexta, ele me mostra o quão arrombado estava o bico da chupeta. Ele mesmo concluiu que estava boa de jogar fora e ele mesmo fez isso.
O pequeno já não usava na creche, mas em casa, ele fica muito apegado. Quando está triste, por exemplo, ou com sono, pra depois cospí-la de lado quando ferra no sono. Mas tomou uma atitude de homem, justo quando está frágilizado pela gripe. Fiquei admirada. Muito admirada. Não é qualquer um que na pior fase em q se encontra abre mão de algo querido.

Só sei que nestes dias, ele tem dormido sem chupeta, só pediu uma vez, mesmo assim quando eu o lembrei que ele mesmo havia jogado fora, ele fez aquela cara de Ah é! E não pediu mais.

E com tudo isso, quando Dona Miúda berra, grita, esperneia e tem urgência de mim, ele tenta consolá-la colocando a chupeta em sua boca, dizendo:

Sr. Cabeça de Bolinha - Toma minha linda! Toma a pepeta. Maanhêê eu consegui dá a chupeta pra ela! (é que Dona Miúda sempre cospe, então tem q ficar segurando um tempinho e ele pegou a manha)

É ou não é um mini-homem, meu mini-tudo?

12 comentários:

Ma disse...

Um mini homem?
É um homem adulto, aprisionado em um corpo de criança!
Que dádiva, Engraçadinha.
Sinal de que será um grande homem, quando estiver realmente adulto.
De fato , porque de direito, ele já é!!!
E você ainda dúvida de seus dons? Fazê-lo ir para o sofá sem um único grito, mostra a cimplicidade maravilhosa que há entre vocês dois!
Parabéns viu, ele realmente é um TUDO

Ma disse...

Antes que eu esqueça: amo vc, viu.
Demais da conta!

Hellen disse...

Ai, lindo, lindo, lindo.

Adoro quando vc vem aqui falar dos pequerruchos (que já não são tão pequerruchos assim, ai tô ficando velha)...

Parabéns pelos filhos maravilhosos que vc tem, fruto da educação, amor e caráter que vc e Engraçadão conseguiram passar.

Gaby Almeida disse...

Acho muito lindo qndo vc fala dos seus filhos, fala com um amor, um orgulho de dar inveja (e olha q não quero ter filhos). Ele é realmente um mini-homem.

@polinhaaaa disse...

Com certeza um mini-homem e quando crescer será um grande homem.
Parabéns pelos filhos lindos e inteligentes!!!

claudia lyra disse...

TRÊS ANOS?!?!?!?!?! Aaaaaaaaaaaaaaaaahhhhhhh!!!!! Meu Deus, como é que ao tempo passou assim tão rápido?!?!?!?!? Ele é uma coisa linda, adorei o jeitinho dele. Mil beijos nesse fofo!!!

Lulu disse...

Cabeça de bolinha, se já é assim qdo criança q dirá adulto? Como ele tá grandeeeeeeeee.
Big Beijos

Mamãe do Victor disse...

Olá! gostei muito do seu comentário lá no blog, obrigada!
nossa, fiquei abismada com seu pequeno, atitudes de um hominho, muito lindo e a carinha dele é tão linda, dá vontade de pôr no colo, mas muito mais que isso mostra que vc está fazendo um ótimo trabalho com eles e imagino o quanto deve ser difícil educar 3. beijos nas crias , beijo em vc! está ótima na foto!

LuSoares disse...

Mas ele é um fofo!
Um rapaz!
Olhando a foto dele assim, todo sério, com cara de homenzinho, me passa um mini-flashback-relâmpago de quando ele nasceu. Como o tempo voaaaaa!!!!
Bjs

Talita disse...

Que coisa mais linda de ver!
Chorei aqui (sou uma manteiga derretida) porque vejo o filme dos meus sobrinhos passando)
Dá um baita orgulho ver uma criança bem encaminhada e imagino que sendo filho então deve dar até vontade de dizer "gostou? fui eu que fiz (sorrisão)".

Beijosss

Magui disse...

Que texto mais lindinho!Você pode estar do lar, mas está escrevendo melhor do que quando executiva.

Ane Brasil disse...

caraca, bicho!!! tô impressionada com o cabeça de bolinha... e parece que foi ontem que vc veio com a notícia da novidade na sua barriga heheheh
Vou te dizer um negócio, e vc escreva o qu~e lhe digo: esse daí não vai lhe dar preocupação....
Sorte e saúde pra todos!

Linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...