Subscribe:

quarta-feira, agosto 17, 2005

TÔ COM FOME - FODA-SE!

Mendiga minha vizinha, ao ver Engraçadão passando ontem na rua:

MENDIGA - Moço??
ENGRAÇADÃO - Oooi!
MENDIGA - O Sr. me arruma um trocado p/ mim comprar pão? Eu estou com muita fome.
ENGRAÇADÃO - Olha, trocado eu não tenho, mas posso comprar o pão p/ a Srª!

E foi.
Isso aconteceu ontem, antes de chegar em casa à noite. Foi no mercadinho, por sorte, o pão tinha acabado de sair e estava quentinho. Engraçadão c/ todo amor, comprou 5 pães p/ a mendiga, q não mora sozinha na rua. Tem mais uns 3 ou 4 com ela, mas nessa hora ela estava em outro canto da rua sozinha.
Ele entregou os pães em suas mãos e voltou p/ casa.

METE O CABO LÁ!

Eu tive a felicidade de comprar um celular a época do dia dos namorados, por conta dos descontos q são oferecidos nessa época. Só queria um celular normal, porque o meu não passava um dia sem q eu tivesse que carregar e justo nos momentos q eu mais precisava a bateria acabava. Bem, o novo celular tem até câmera e eu o comprei por uma bagatela.

Acontece q foto, a gente tira de empolgação, e eu q já sou chegada na coisa, lotei a caixa do pobrezinho de tanta foto.
Foi foto de poste, foto de dente, de filho então..., tirei foto dele até cagando. Só q p/ enviar as fotos, seja por e-mail, seja p/ outro celular a féla-dua-égua da VIVO, me estorque R$ 0,60 pelo serviço (por foto). Então, seguindo aquela máxima de q pobre é uma merda mesmo, eu tinha a câmera, mas não tinha como ver as fotos fora dela, já q o Cabo USB não vem c/ o aparelho e está custando no mercado, cerca de R$ 200,00.

Nem preciso dizer q no primeiro mês, tomei uma trolhada à seco da VIVO muito viva, por causa de foto, tons do Coldplay, Linkin Park... Repito, pobre é uma merda!

Ontem, p/ encurtar a história, achei o dito cujo do cabo por um preço bem legal, se comparado às lojas da ruas da vida. E comprei.

PROBLEMA 1 - Como contar ao Engraçadão q comprei o tal do cabo, sem levar um porrolho em troca??
PROBLEMA 2 - Como vir trabalhar de olho roxo, sem suscitar perguntas desagradáveis? Tipo:

COLEGA DE TRABALHO - Engraçadinhaaa, q é isso no seu olho??
EU - Caí.
COLEGA DE TRABALHO - Mas parece marca de soco. Teu olho tá até fechado... Tá parecido c/ o olho do R.J. (Roberto Jefferson p/ os íntimos, muuuuuito íntimos diga-se de passagem...)
EU - Caí da estante tentando pegar um livro.
COLEGA DE TRABALHO - Mas acertou os dois??
EU - É... o livro quicou...

Foi aí q eu tive a brilhante idéia. Ontem antes de sair de casa, Engraçadão c/ aquele romantismo e sutileza q lhe é peculiar avisou, romântico:

ENGRAÇADÃO - Engraçadinha, te prepara q hoje à noite vou te sapecar, mulé!

Aí eu pensei, dou uma bela cavalgada nele e quando ele estiver quase lá, eu sussuro no ouvido dele.

EU - Amooooooooor, o caaabo, o caaaaaboooo... Compreeeeei, parcelaaadoooooooo em 5 vezeeeeeeeeeeeeeeeeeesssssss, aaaaaaiiiiii!

Ele não perceberia nada, óbvio e eu escaparia da surra.
Mas o amor faz coisas c/ a gente inexplicáveis. Eu não consegui segurar a porra da língua e contei a ele, à seco mesmo, a história toda do cabo. Quem me salvou foi Drª D. (my dear syster) q vai rachar as prestações comigo.
Por isso talvez, Engraçadão tenha dado um belo sorriso, apoiando minha decisão (???).

Descemos e fomos à locadora devolver uns filmes. Na volta do caminho, Engraçadão se deparou c/ um saco plástico no chão c/ nózinho, rente a um poste.
Ele ficou olhando meio q incrédulo e ao se aproximar do saco, viu q era o mesmo q tinha dado à mendiga, amiga íntima dele de infância.

Os cinco pães q estiveram quentinhos estavam lá no chão intactos e frios. Para repulsa do Engraçadão. Todo o bom humor foi embora. Ele ficou desolado e com razão e me contou o diálogo anterior c/ a mendiga. Eu fiquei puta, c/ vontade de dar na cara dela, porque pão lá em casa não sobra e coincidentemente ontem, não tinha nem um naquinho de pão lá. P/ a filha da puta jogar fora?? Nem comer?? Nem tocar??
Vcs sabem, além de pobre e preta, também sou um espírito de porco às vezes. Até sugeri ao Engraçadão voltarmos lá e pegar o pão, mas ele tava tão puto q me deu um "deixa prá lá" e seguimos nosso caminho rumo ao lar.

A piranha da mendiga é tão amparada pelo anjo da guarda, q só os companheiros dela estavam no local costumeiro. Ela havia sumido.
Nem sei o q poderia acontecer se houvesse um encontro. E pior, Pacotinho estava conosco. Já pensou?!
Ao chegarmos em casa, Engraçadão avistou a mendiga pela janela. E pensamos melhor, pelo estado da criatura, ela queria é comprar birita e pão não serve. Uma pessoa q se encontra nesse estágio de alcoolismo, não raciocina. Nem responde pelos próprios atos.

Bem a boa disso tudo, é q hoje ao passar naquela esquina de manhã, os pães haviam sumido. E não foi o lixeiro q tirou, porque a rua não estava c/ cara de q havia passado lixeiro por ali.

Vida estranha essa, não?! Da próxima vez, falei pro Engraçadão, não dê pão, não dê dinheiro, não dê cachaça. Dê cicuta.

Brincadeirinha gente.

Bj na bundaaaa (hoje pode)!!!

Ah! Drika Scaner & Impressora faz anos hoje. (Só não quero apanhar q nem o repórter vesgo, hein?!) Não sei quantos anos, mas queria q ela soubesse, q apesar de estarmos longe, ela mora também no meu coraçãozinho, apertadinho, mas q sempre cabe mais 1.

E Gwen, em sua homenagem, estou ouvindo Foo Fighters, além de estar trabalhando, é lógico!
Ah! Homens, depois explico como se faz isso, falou?!

19 comentários:

tio gu disse...

Agora já era mas, vc poderia ter procurado o tal cabo na Uruguaiana ou no site Mercado Livre ;-) bjs

Claudio disse...

Este tipo de coisa me deixa pau da vida tb.
Eu conheço um monte de gente que pede uma esmolinha aqui, um ranguinho ali. Mas quando vc oferece um trampo para deixar a mendicância de lado... É ruim de encarar, hein ?
É flórida !
Bjs

Felipensses disse...

Eu coloquei uma vez um post no Barroso que é um
complemento PERFEITO pra essa estória do pão, dá uma
olhada lá:

http://obarroso.blogspot.com/2004/05/pensamentos-malignosmy-evil-twin.html

Ah! Homens, depois explico como se faz isso,
falou?!


Não entendi, explicar exatamente o quê?

Engraçadinha disse...

Tipo assim:
Mulheres atendem o telefone, digitam textos, ouvindo música ao mesmo tempo e se alguém ainda perguntar alguma coisa, no meio disso tudo, a gente responde.
Agora homem... ou anda, ou fala no telefone sem fio.
ahuahauhauhauhauha!

Lady Metal disse...

Eu desisti de dar dinheiro para 90% dos mendigos. Só aqueles que estão realmente estropiados ganham. Nem para crianças, aliás, principalmente para elas eu não dou dinheiro.

Felipensses disse...

Mulheres atendem o telefone, levam 3 horas e meia pra
digitar (e todo errado) o texto que era pra ser
digitado em meia hora, não prestam atenção na música e
se alguém perguntar alguma coisa ainda fica puta com o
mala que interrompeu o papo, huahuahauhau...de que
adianta fazer 30 coisas ao mesmo tempo desse jeito?
Rsrsrsrsrs...definitivamente concentração não é uma
virtude feminina, rsrsrs...

Engraçadinha disse...

Deixa prá lá.
Não vou tentar provar nada. Só vou te rogá uma mardição.
Quano ocê nascê di xereca, ocê vai intendê o q eu tô dizeno.

Filipensses disse...

A reencarnação é um processo evolutivo...homens não
nascem novamente como mulheres, rsrsrs
(brincadeirinha...).

A parada é que na verdade Deus criou a mulher
primeiro, mas aí descobriu um vazamento que rolava
todo mês. Pra consertar ele resolveu colocar uma rolha
ali onde tava vazando. Hoje essa rolha é conhecida
pelo nome científico de CARALHO.

Num precisa provar nada, eu só tava zoando...

Dani disse...

Esse seu marido deve ser uma figura!!! Ainda bem q vc sabe levar... nao ia dar mto certo cair da escada toda semana!!! hehehehehe
Adorei a serie sobre nada e parece q o povo gostou tb!! Das proximas vezes q estiver sem o q dizer... ja sei ate o q fazer!!! hehehehe
Beijos, Dani

Gwen disse...

Ah, que lindooooo!!!!!
Vc´eh mesmo um amor...
Uma coisa: que mendiga mais filha da puta!!!
Desculpa, mas eu tinha de dizer.
POrra, que cabo mais caro...
AgradeÇa a sua irma por mim, nem eu ia gostar de saber que vc tava de olho roxo...
E eh bom ver suas fotos rodando por ai...
Beijossss

Tatan disse...

Bacana, Engraçadão é gente que faz! Grande abraço, amiga, Funny! Logo tô de volta! Prometo!

Engraçadinha disse...

Tu ontem tava Engraçadinho, hein?!

Gwen disse...

sabia que vc é uma das pessoas que mais sinto falta qdo nao aparece?
.
Qto ao bafão, cê nao vai querer saber!!!
.
.
Beijoooooooooo! Saudade!!!

Michael Meneses disse...

Em 1995, não fui acampar por falta de companhia
ficando interdiado em casa durante os 10 dias que foi
o tempo que durou meu carnaval naquele ano, na tarde
de terça sai para comprar alguma coisa para lanchar
afim de quebrar o tedio, fui numa padaria distante
umas 4 quadras da minha casa comprar bolinhos.
Foi só sai da padaria para um morador de rua, já com
uma idade bem avançada me pedi uns trocados para comer
alguma coisa, a primeira coisa que fiz foi dar os
bolinhos.
E assim quebrei meu tedio.

VIVA A FOTOGRAFIA CONVENCIONAL.

Meu pai foi dependente do alcool durante muitos anos.
E na verdade não é preciso e muito longe para ver que
o alcool corta o raciocinio das pessoas.

Feliz aniversario para a Drika mais uma vez ela
merece.

Abração

Michael Meneses

duellio disse...

Esse seu método de contar notícias chatas é demais, mas será que mesmo assim vc escapa?? Eu tô com um problema no meu blog, mudei pra blogspot mas não sei coisas básicas, como colocar links e tudo mais, vc pode me ajudar?? Me manda um e-mail, no duellio@yahoo.com.br, vou te agradecer muitão....

Selph disse...

aí esta o exemplo do ditado que diz que em tem pena de um miseravel fica no lugar dele. A Vivo é muito viva mesmo. Viva e filha da puta, como a mendiga digasse de passagem...

AÊ gostei da forma de contar as presepadas, em vez de lhe bater vc diz: "me fode que eu mereço"

só eu não tenho uma camera digital com acesso a web e a chat que de brinde faz ligações... :(

Juliana disse...

Ei, moça, tava com saudades!!! rsrsrsrs só, vc, como eu sempre digo!! ahahaha Bjos!!!!

Erica Bah disse...

Falando em foto, ainda não tirei nenhuma fotinha no seu cel, eu queroooooooooooooooo!!!!

Gwen disse...

Engraçadinha, só não sou da paraiba, mas sô mulher macho, sim sinhô!, então eu nao sei fazer várias coisas ao mesmo tempo...
:(
Coloco a música e logo páro tudo e fico viajando, ou, me pego copiando o refrão, ou atropelando a letra dele com minha voz de taquara rachada!
.
adoro vc...

Linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...