Subscribe:

quinta-feira, março 24, 2011

PENSANDO NA VIDA

Não tem jeito, eu sou bem ansiosa. Irrequieta.

Não curto ficar fazendo a mesma coisa por eras e eras. Coisas práticas quero dizer.

Gosto da mudança, adoro variar, inventar enfim...

Aí no meio da minha vidinha, alguém apontou que isso não fazia bem pra mim. Não a mudança, mas a ansiedade.

O não saber esperar, o querer agora, querer já. Eu comprei a ideia, claro. Não sem antes implantar o vírus para a geração posterior à minha. Pacotinho é a ansiedade em pessoa!

Mas voltando a mim, resolvi trabalhar isso.

Primeiro tive que aprender a esperar e ser paciente na gestação do Sr. Cabeça de Bolinha. Foram alguns meses deitada, sem sair da cama, muito menos de casa, olhando pro teto, trocando de canal, ouvindo umas músicas e postando. Sim, foi legal em parte, mas por outro lado, depender de tudo e de todos, perder minha liberdade e autonomia foi sacal. Felizmente eu consegui chegar ao final dessa jornada e reassumi meu corpo.

Pensei que me governava e segui correndo quando tinha que andar. Pensei verdadeiramente que tinha aprendido a lição, no entanto mantive velhos hábitos, como continuar ansiosa, querer tudo a toque de caixa, centralizar tarefas só para poder imprimir excelência nas coisas. Ah... eu sou excelente! Tudo o q eu faço é melhor, mais bonito, mais chique, mais maravilhoso... sim eu dou conta! Sou a mulher-maravilha, não sou?!

Ledo engano.
Tudo errado.
Mais uma vez, o destino, o universo, uns anjos sacanas lá do céu me trouxeram outro ser lindo para gestar. Eu pirei. Foi punk, a parada!
Assustador e deprimente.

Foi deprimente admitir que não tenho domínio sobre muita coisa na minha vida. Que a minha vida, é emprestada. Que me cabia trabalhar mais e mais, criando as crianças e assumindo mais responsabilidade. Que eu deveria derrubar velhos hábitos, ter paciência e viver com moderação.

BEBA COM MODERAÇÃO, lembram?

Eu andava sem saber o que era moderação. Andava mais junkie do que nunca, para uma mãe de dois filhos.
E a Dona Miúda tinha essa tarefa. Botar meu pézinho no pedal do freio. Fazer-me acalmar, fazer-me perder a ansiedade, ter mais paciência, ter cuidado com a minha vida e o mais importante, não sofrer durante a espera! Eu sempre sofria, sempre, sempre.

Daí que de 2009 pra cá, passaram-se dois anos, sabe?! Vocês não estão lembrando de nadinha, meus queridos 5's leitores? Nada mesmo? Ah! Fala séério! Eu falei exaustivamente sobre isso. Nenhum palpite?

Tá bom, vai! Eu conto:

Falta 1 mês para terminar de pagar a cirurgia pláááástiiicaaaaaa!

Ou seja, daqui a no máximo 2 meses a gente troca de carroooo! A ratoeira vai dançar. Rá!
Ah vá! Vocês não pensavam q esse discurso pseudo-filosófico ia ter um final sério, pensavam? Claroquidão!
Enfim, Pacotinho vai poder se livrar de 2 cadeirinhas de bebê que lhes apertam as costelas.
Engraçadão só pegará no novo carro para abastecer e levar para lavar.
Os pequenos terão cadeirinhas limpas, siiim!
E eu terei um carro lindo, poderoso, reluzente que combina com meus caaabeeeloooooos!

Já estou me vendo dirigindo naquele carrão, vidro fumê, bancos de couro, o vento batendo nos meus cabelos, air bag duplo e eu fazendo carão de óculos escuros enquanto dirijo e o vento bate nos meus cabelos. Siiiim, será incrível!

Eu me tornarei a maior tranca-rua que essas estradas já viram, porque siiim, eu não vou dirigir, eu vou deeesliiiizaaaar enquanto dirijo. Todos dirão:

TODOS DIZENDO - Olha! Lá vai a Engraçadinha no meio da rua com seu carro reluzente, poderoso e lindo que combina com seus cabelos esvoaçantes!

E quando os xingamentos dos outros motoristas começar, com aqueles 5Km de engarrafamento atrás de mim, eu simplesmente vou aumentar o som e fechar o vidro e ligar o ar condicionado e vou cantar alto a plenos pulmões aquela música do Snoop Dog (Gin and Juice):

EU CANTANDO -

Rollin' down the street, smokin' indo, sippin on gin and juice, Laid back (with my mind on my money And my money on my mind)

Caraaacaa! Vai ser do caralho, imaginou só?! É... eu imaginei.

Ei! Alguém aí quer comprar uma UNO MILLE 92 semi-nova, pouco rodada, carro de mulher, menos de R$ 7.000,00 leva? Eu disse meeenoooos de R$ 7.000,00!!
Olha que nunca deu defeito esse ano!
Perfeita pra quem tá tirando carteira agora e não sabe colocar carro na vaga, sabe Dani Antunes? Pelo menos o conserto é barato, vai por mim!

10 comentários:

Garota Enxaqueca disse...

Muleeeee... So rindo de vc mesmo.... Hahahaha

Depois quero conversar com vc sobre plasticas e afins, ok??

Vanessa disse...

Hahahahahah só você pra me fazer rir hoje!
:P
Beijooooo

Ma Albergarias disse...

Nooooooooooossa, o poder será todo dela!!!

Deborah disse...

hahahahahaha
"centralizar tarefas só para poder imprimir excelência nas coisas. Ah... eu sou excelente! Tudo o q eu faço é melhor, mais bonito, mais chique, mais maravilhoso... sim eu dou conta! Sou a mulher-maravilha, não sou?!" ------> Gêmea?! Toca aqui o/ \o

Imaginei a cena. Até pq tmb adoro esse trechim da música. Aí vai ser muito poder, minha fílea. Vai sim! ;)
Muáh!

'Lara Mello disse...

Sério, adorei a parte do carro, eu também escreveria assim, me identifiquei muitooo! Bju

Engraçadinha disse...

Meninas, não tinha como ser outra müsica na parte do carro.

Pitanga disse...

1. Sou podreeee de ansiosa desde sempre. (Rolou uma identificação estúpida. rsrsrs);

2. Eu me cagaria todinha de medo se eu engravidasse e tivesse que educar uma criança, mas tô vendo que, PLANEJADOS OU NÃO, eles acabam sendo a representação da energia, da calma (sim??? não????) e da experiência;

3. Acabar de pagar a plástica é uma notícia deliciosa;

4. Poder comprar um carro novo é uma notícia ultra-mega-super deliciosa;

5. Contar que a Dani não sabe estacionar o carro em uma garagem não foi muito legal... mas engraçado. rsrsrsrs.

Beijos.

Engraçadinha disse...

Pitanga, ela não sabe pq ainda nem tirou carteira, muito menos fez aulas práticas ainda. Mas um dia ela vai saber. Enquanto isso, a gente vai zoando. Lembre-se, eu perco o amigo, mas não perco a piada! ;-)

Magui disse...

Mais que nada , exibir a glória dentro do carro como prêmio pelo trabalho imenso que é criar filhos.

Espero ansiosa qual vai ser o carro.Ansiedade por ansiedade, tb tenho.Affe!

Dani Antunes disse...

Colocando o comentario no post certo! E do jeito certo!

(...)

"E ela será conhecida como a maior tranca-rua da Tijuca... Do Rio? Não! Do Brasil? Não!
DO-MUN-DO!"

HAHAHA

Porque, né! Não basta ser tranca-rua, tem de ser A tranca-rua.

E só pelo finalzinho do post, o meu sincero: VAI SE FODER!




(...)



Yep! I still love U!

=P

Linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...