Subscribe:

quarta-feira, setembro 03, 2014

FILHOS E FOTOS: O PERIGO QUE AS REDES SOCIAIS REPRESENTAM


Para pais orgulhosos, nada mais gostoso do que postar fotos dos pimpolhos nas redes sociais, certo?

Eu então, não sou um bom exemplo. Sempre apaixonada por fotografia, com a chegada de Pacotinho tenho o costume exibir a tríade onde quer que estejam,  fazendo coisas simples ou complexas, desde o café da manhã no dia a dia, até nossos passeios bacanas ou viagens.

Saibam que esse comportamento exibicionista não é muito indicado. É que a gente está acostumado a acreditar que os seguidores a qual chamamos de amigos são amigos verdadeiros, mas a realidade é que nem sempre são amigos chegados vibrando a favor. Muitas vezes, são conhecidos sem laço afetivo ou mesmo, nem tão apaixonados por crianças. Em se tratando de pais zelosos, não necessariamente paranoicos, todo cuidado é pouco, já diziam nossas avós.

Por isso, posto a seguir alguns cuidados básicos for dummies, que devem ser levados em consideração a fim de expor com moderação nossos pequenos. 
Se é que isso é possível, em tempos de alta exibição da vida privada!

  • Foto e GPS - Muita gente esquece que hoje em dia, esse recurso disponível em nove entre dez smartphones muitas vezes está acionado e além da foto do pimpolho, você entrega de bandeja a localização de onde sua criança se encontra. Lembre-se, malucos e pedófilos estão sempre de olho, ainda que você não acredite! Portanto, desabilite sempre que for postar a foto no calor do momento. Aplicativos como o Foursquare ou Swarm entre outros, são uma pegadinha (eu inclusive) para os pais desavisados e heavy users;
  •  Meu filho é lindo até tomando banho - Pois é, com a chegada do primeiro filho, ainda mais em se tratando de meninos, cujos pais têm orgulho da ferramenta do pequeno (e acredite isso é comum), fatalmente pode-se cair nessa armadilha. Levando-se em consideração que existe gente ruim na rede mundial e boa em criar montagens, esse tipo de foto deve ser evitado a qualquer custo. Além de expor a criança, ninguém quer atrair a atenção dos pervertidos, certo?
  • Seu filho e os amiguinhos - A não ser que os pais dos amigos estejam de acordo, em se tratando de crianças bem pequenas, é importante que os pais saibam que você está fotografando e deseja postar nas redes sociais. Com o consentimento do responsável, você pode inclusive marcar o pai do amigo na rede social ou enviar uma cópia, caso este seja adepto apenas da vida real. Checar antes é imprescindível, afinal, ter dor de cabeça futura por descuido é totalmente dispensável.
  • Fotos engraçadas podem constranger - A gente às vezes pega um flagrante do filho num momento divertido, posta nas redes sociais e esquece que os amigos dele podem estar vendo e pior, podem constrangê-lo no ambiente escolar. O mais acertado é evitar. Se seu filho pede para não postar, ouça. Tem gente que só espera um bom motivo para fazer bullying na escola. Vamos ouvir o que nossos filhos pedem. 
  • Foto do seu filho em alta qualidade - Em tempos de viral e memes, qualquer foto fofinha do seu filho em alta, pode se transformar no próximo viral amanhã. A gente não se dá conta, mas estamos trafegando pela rede mundial de computadores. Uma vez lá, o termo "perdeu alemão" está valendo, por isso, é bom ficar alerta antes de tornar um arquivo desses público. 
Existem uma série de outros cuidados que devemos tomar ao criar um perfil nas redes sociais. Em caso de crianças maiores, cuja força gravitacional que a puxa para o Facebook é muitas vezes maior que o nosso desejo de deixá-las criar um perfil na rede, é válido criar esse perfil junto com ela e filtrar os acessos de amigos, assim como os de amigos de amigos. Vale também ensinar a postar para grupos restritos, bem como monitorá-la a cada postagem, marcando-a como seu melhor amigo.

No caso do Facebook, fiz isso com Pacotinho e a cada postagem que ele faz eu sei o que ele anda disseminando, assim como dou conselhos para que não seja rude, preconceituoso na rede ou ofensivo. Faço questão de lembrá-lo que professores, amigos, parentes e conhecidos estão atentos ao que ele faz, portanto, nem toda piada é boa para ser compartilhada.

Caso vocês queiram se informar mais acerca dos cuidados com fotos e filhos, esse post aqui é bastante interessante e dá mais outras seis dicas sobre o tema. 

3 comentários:

Anônimo disse...

Flavia, eu não gosto muito dessas fotos. Eu também acho um grande perigo para as crianças.
Beijocas
Yvonne

Lulu on the Sky disse...

Apesar de não ser mãe ainda, nunca fui a favor de expor as fotos da família na internet.
Tem muita gente sem noção e louca, capaz de fazer de tudo para te prejudicar. Bom senso é necessário sempre.
big beijos

Amanda Schuler disse...

Penso nisso até pra colocar fotos minhas, imagina os filhos. O mundo tá tão perdido, né?! Acho uma tristeza termos que nos privar de certos prazeres por existir gente tão mal intencionada..
Muito bom esse seu alerta. As vezes precisamos de um empurrãozinho para assimilar coisas óbvias, ainda mais na era da tecnologia!
Beijocas

rendasepaetes.com

Linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...