Subscribe:

segunda-feira, julho 30, 2012

DAS FESTAS DE ANIVERSÁRIO




Detalhe para camisa dos Vingadores -
 Fashion
Eu lembro exatamente o q disse acerca de festas de aniversário. Que seria só uma por ano, as demais seriam comemoraçõezinhas dentro de casa.
Assim eu fiz com a galega, ano passado com Pacotinho, Engraçadão não teve e então nesse mês de julho chegou a tão temida vez do Sr. Kbça de Bolinha ter a sua.

Medo, pavor, terror, pode chamar do que quiser, que eu posso assegurar que todos esses sentimentos estiveram dentro de mim esse ano. Jurei apelar pras dorgas se preciso fosse para me acalmar, porque né? Apesar de estar sem trabalhar fora, administrar casa, criança, viagem e festa (?), até pra mim é um pouco demais.

Então antes da viagem à Pipa - RN fiz a famosa lista do que teria na festa dele. Ele que nunca teve uma festa de aniversário no play, só dentro de casa e olhe lá, merecia de tudo com pompa e circunstância; além do mais, Sr. Kbça de Bolinha já sabe cobrar que é uma beleza, de modo que desde o ano passado vinha com a cantilena: 

SR. KBÇA DE BOLINHA - Mãe, quando é a minha festa? É amanhã?

Mesa do bólo c/
 Fernanda Melo ao fundo
Pois é, não era todo dia que ele perguntava, mas digamos que quinzenalmente. 
Faria 5 anos, a ansiedade era muita, automaticamente incompatível com meu terror. A festa do ano passado da Dona Miúda estava fortemente entranhada na minha lembrança. Dava tremores só de pensar. Aquele mundareu de gente chegando, a comida se esvaindo, o cara das bebidas morrinhando, a menina das comidas se fodendo sozinha, me dando notícia ruim cada vez que esbarrava comigo na festa,  Dona Miúda fazendo aquele cocô homérico e eu suando em bicas. Pavor.

Dessa vez fiz a lista das comidarias, do serviço, do que deveria ser comprado, tudo antes da viagem. Na volta sobrou apenas as lembrancinhas pra comprar e montar, já que todos os serviços já haviam sido contratados: Bolo, docinhos, brinquedos, animadores, decoração, painel com fotos, íma de geladeira (default).

No quesito lembrancinhas, comprei uma caixinha de pipoca (vermelha, azul e púrpura pra meninas), saquinho plástico transparente e coloquei brinquedos e doces. Embalei-os  e amarrei com fitilho colorido. Separei uma mesa a parte onde ficaria a comidaria. Forrei com uma toalha de plástico branco, joguei outra de renda sintética por cima e a saia era azul (herdada do primeiro aniversário de Pacotinho). Nessa mesma saia, eu coloquei uns emborrachados com o tema da festa que era os Vingadores. Colei com fita dupla face. Isso tudo foi por minha conta, tirado da minha cabeça mesmo. É eu tenho ideias...

Na mesa dos convidados, forrei com toalhas vermelhas e azuis. Comprei suportes de cup-cake com o tema da festa, mas ao invés dos cup-cakes, encaixei copos transparentes cheios de bala, pirulitos, chicletes e alguns brinquedos que sobraram. Cada mesa tinha um e em caso de mesa juntada, colocava uma toalha vermelha e outra azul. Já na mesa de comidas, caprichei! Teve sopa de ervilha, caldo verde, milho cozido, cachorro quente, pipoca,canjica, além dos salgadinhos que eram servidos na mesa. O bom de fazer aniversário pro Sr. Cabeça de Bolinha, é que o mês de julho ainda permite aproveitar o mote da festa junina.

Não pensem que morri não! Como a gente se antecipou em 1 mês, deu pra ir comprando tudo devagar. Quanto às comidas, na sexta 27 cozinhamos eu e Engraçadão. Ele se encarregou do cachorro quente e de me ajudar em algumas tarefas com as sopas e no dia seguinte ele descascou e fez o milho. Em cima do laço, esqueci de fazer a pipoca, então a Advi que chegou cedo pra ajudar, correu no mercado, comprou o milho e fez a pipoca. 
A Chris Mendes também veio mais cedo e deu uma força com a arrumação das mesas, além da própria Advi que já estava ajudando. Na decoração, Fernanda Melo (fotógrafa e filha da mãe 2) deu sugestões preciosas para a mesa do bolo, o que facilitou minha memória fraca a essa altura.

Eu me adiantei e me arrumei cedo, tanto que quando desci pra cuidar da decoração só faltava maquiar e calçar os sapatos. E onde estavam as crianças? Aaah! Bingo! Após o almoço ordenei que todos fossem dormir para descansar pra festa. Eles obedeceram. Pacotinho que não dorme, teve de ficar em casa com os irmãos, caso acordassem antes do previsto. E eles não acordaram, deu tudo certo.

Assim eu não fiquei nervosa, não recorri a dorgas e pude dar atenção a todos os convidados.
Faltou muita gente, sobrou muuuita comida, tanto que teremos de fazer pequenas reuniõezinhas em casa, porque né? A geladeira está cheia e eu preciso esvaziar sem ficar baranga! Portanto os amigos terão de vir aqui comer.
Congelei algumas coisas e outras, como bolo e docinhos por exemplo, estou dando pras tias da escola, professoras e quem mais bater à minha porta.

Um desejo?
Que no próximo ano eu tenha dinheiro pra fazer o aniversário de 11 anos de Pacotinho.

4 comentários:

Tutti disse...

Vai ter sim, amiga! e até eles completarem 18 anos você já vai estar "craque" em fazer festinhas.
Nem posso me comparar a você com os 3 pimpolhos, mas sempre adorei fazer as festinhas do Bruno (e sozinha mesmo!!). Todo ano inventava temas! E ele sempre curtiu todas!! Até se casar!!
São lembranças que levamos pra sempre!

Engraçadinha disse...

Pois é Tutti.
Ter feito do meu jeito de certa maneira me deu prazer!

Lara Mello disse...

Olha, EU SOU UM DESASTRE EM FESTAS! Oo Isso deve te confortar, né?!

Amei o novo lay do blog, lindo! ♥

Lulu disse...

Aniversário infantil sempre é aquele stress pra organizar, mas ver a alegria das crianças e olhos brlhando não tem preço.
Big Beijos

Linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...